Passar para o Conteúdo Principal

Jornadas de Cidadania, amanhã e depois

27 Maio 2015
Um deputado, dois académicos e outros tantos empresários com preocupações sociais, juntam-se em Moimenta da Beira (auditório municipal), amanhã de manhã, 28 de maio, primeiro dia das Jornadas de Cidadania, para discutirem e encontrarem estratégias de competitividade com vista ao desenvolvimento económico e social dos territórios de baixa densidade.

Um deputado, dois académicos e outros tantos empresários com preocupações sociais, juntam-se em Moimenta da Beira (auditório municipal), amanhã de manhã, 28 de maio, primeiro dia das Jornadas de Cidadania, para discutirem e encontrarem estratégias de competitividade com vista ao desenvolvimento económico e social dos territórios de baixa densidade.

A pertinência e a actualidade do tema justificam o enfoque. Tudo porque num País como Portugal, onde o território constitui uma das marcas que melhor define a unidade e a identidade nacional, o cenário do abandono de uma parcela significativa da sua geografia (cerca de dois terços) e a desvalorização de um valioso capital material e simbólico, não podem deixar de suscitar inquietação e sobressalto.

Mas este ano, as Jornadas de Cidadania em Acção “Rumos de Mudança”, que já vão na 5ª edição, dão também realce ao “envelhecimento activo e saudável”. Especialistas da área da saúde tentarão apontar caminhos para uma melhor esperança de vida. É o segundo painel, que ocorrerá à tarde.

Depois de amanhã, sexta-feira, 29 de maio, durante a manhã, o programa encerra com outros especialistas que vão tentar sensibilizar a plateia para a importância de fortalecimento de vínculos intergeracionais entre crianças, jovens e adultos.

- Programa: /uploads/writer_file/document/637/20150508175430378202.pdf