Passar para o Conteúdo Principal

Duas bandas do Porto animam primeira noite da Expodemo

2013091316065786654 1 980 2500
13 Setembro 2013
Sexta-feira, 20 de Setembro. Primeiro a “Banda às Riscas”, às 21h00, depois os “Karrossel”, às 22h30. Tudo na primeira noite, na rua e no palco principal da Expodemo. A “Banda às Riscas” é um grupo musical de animação de rua, que nasceu na cidade do Porto. Anima as ruas, festas, discotecas e todo o tipo de eventos em Portugal, espalhando risos e boa disposição por onde quer que passa. Já actuaran em Vila do Conde, Aveiro, Porto, Bragança, Coimbra, Lisboa, Faro, Tomar, Cantanhede, Setúbal, Torre de Moncorvo, Viana do Castelo, Abrantes, Braga, Valença, Lamego, entre outros locais.
Sexta-feira, 20 de Setembro. Primeiro a “Banda às Riscas”, às 21h00, depois os “Karrossel”, às 22h30. Tudo na primeira noite, na rua e no palco principal da Expodemo.

A “Banda às Riscas” é um grupo musical de animação de rua, que nasceu na cidade do Porto. Anima as ruas, festas, discotecas e todo o tipo de eventos em Portugal, espalhando risos e boa disposição por onde quer que passa. Já actuaran em Vila do Conde, Aveiro, Porto, Bragança, Coimbra, Lisboa, Faro, Tomar, Cantanhede, Setúbal, Torre de Moncorvo, Viana do Castelo, Abrantes, Braga, Valença, Lamego, entre outros locais.

O repertório do grupo é de cariz tradicional, temas do imaginário colectivo e circense.

A animação da “Banda às Riscas” assenta na importância de despertar, na sociedade em que vivemos, o lado mais simples da vida: o sorriso!

Os “Karrossel” nasceram também no Porto. Fruto de recolha e pesquisa, ensinam danças tradicionais, essencialmente portuguesas, mas também do resto da Europa.

Num espírito de festa, propõem uma viagem pelo mundo da música tradicional, onde o público é convidado a participar, num rodopio de danças!

Desde o Vira do Minho, o Fado Batido, até à Troika da Rússia, passando pela Bretanha, Roménia, Lituânia, e tantas outras culturas, regressando sempre a Portugal num diálogo constante com o público.

Tudo a não perder.