Passar para o Conteúdo Principal

Cartunes, caricaturas, desenhos de humor e retratos de Onofre Varela expostos no átrio da Câmara

Onofre varela  foto 1  1 1024 800
06 Novembro 2018
É um dos grandes cartunistas do país. E vinte dos seus trabalhos, entre retratos, desenhos de humor, cartunes e caricaturas, vão estar expostos ao público, de 9 de novembro a 16 de dezembro, no átrio da Câmara Municipal de Moimenta da Beira. A inauguração, com a presença do artista, ocorrerá às 17 horas da próxima sexta-feira, primeiro dia da mostra.

Onofre Varela deu nome à sua exposição: “Rostos & Riso”. “Rostos, porque tem retratos que fiz para ilustrar a História de Portugal de José Hermano Saraiva; e Riso, porque tem desenhos de humor, sátira e caricatura”, explica o autor.

Um resumo curricular de Onofre Varela: Nasceu no Porto, em 1944, estudou Pintura e seguiu uma carreira de criativo gráfico, ilustrador, caricaturista, cartunista e banda-desenhista. Iniciou-se no mundo do trabalho aos 13 anos como aprendiz de tipógrafo. Aos 16 anos era aprendiz de desenhador litográfico, e ao mesmo tempo estudava Pintura Decorativa, em curso noturno com o estatuto de trabalhador-estudante, na Escola de Artes Decorativas Soares dos Reis (Porto). Aos 20 anos, ao serviço do Exército, foi enviado para a Guerra Colonial na frente norte de Angola (Dembos). Aí, colaborou com a revista Notícia (1966-1967), de Luanda, fazendo banda desenhada para o suplemento infantil Pica-Pau. Regressado em 1968, foi criativo gráfico em Agências de Publicidade, antes de entrar na imprensa periódica pela porta do jornal O Primeiro de Janeiro, inicialmente como free-lancer (a partir de 1969) e depois como quadro da Redação (1978-1981). Colaborou com a RTP (Canal 1) no programa da manhã Às Dez, fazendo desenhos em direto.
 
Ilustrou manuais escolares para a Editora Educação Nacional e Porto Editora, e foi Diretor Gráfico da revista Encontro, suplemento semanal do jornal O Comércio do Porto (1990).

Criou o grafismo do vespertino Notícias da Tarde (1981-1989), e da primeira série do jornal O Jogo (1989-1990). Terminou a carreira profissional no Jornal de Notícias com o cargo de Ilustrador Principal.

Convidado para a aposentação antecipada, em Janeiro do ano 2000, dedicou-se à escrita e ao teatro como ator de revista no palco do Teatro Sá da Bandeira (Porto). Estudou representação teatral no TEP (Teatro Experimental do Porto) e desempenhou vários papéis em três revistas e três comédias com digressão pelo país. Na escrita é autor de sete livros de humor e ensaio.

Recebeu alguns prémios e várias distinções, entre os quais se contam uma Menção Honrosa da ONU (1984), o Prémio Nacional de Ilustração de Imprensa no X Salão Nacional de Caricatura, Oeiras (1996), e o título de "Professor Honorífico del Humor" da Universidade de Alcalá de Henares, Madrid (1998).
Um dos cartunes de Onofre Varela que estarão expostos
Um dos retratos (é Jaime Gama) de Onofre Varela que estarão expostos